jump to navigation

Completa ai… 13/03/2009

Posted by arthur lacerda in profetizando, textos.
Tags: , , , , , ,
5 comments

fica a dica

muitas veses agente tenta escrever alguma coisa de impacto pra fazer pessoa pensarem, acho q dessa vez eu consegui:

Piegas à meia-noite

 

Como todo bom texto, este aqui também irá começar pelo seu princípio.

Bom… Como não há nada a dizer sobre este gentil (Duvida! Se o escritor refere-se a ele mesmo com palavras gloriosas, pensam que ele é arrogante. Se ele se rebaixa, vão achar que ele se acha tão bom que tem que se rebaixar, e novamente vão achá-lo arrogante. Então, nobre leitor, cabe a você escolher uma palavra que, no fim, vai me destruir. Mas antes que eu vire um machado voltemos ao texto), até porque não sou famoso muito menos um profeta, porém tenho considerações que cabe a eu dizê-las. E já que estou pelado, na há mais nenhum motivo para esconder alguma coisa. (leitor, o certo é “cabe a mim dizê-las” ou “cabe a eu dizê-las” ?, na duvida eu acreditei no Word).

Venho falar do estranho fato onde duas coisas tendem a ser uma só, mas serão duas sempre (óbvio). Um exemplo prático, todo mundo lembra do preconceito do branco contra o negro, mas ninguém lembra do preconceito do negro contra o branco. NÃO QUERO SABER! Ele existe. É chato ouvir o outro lado da moeda já que todo mundo tenta esconde-la. Mas a intenção não era citar esse exemplo de merda,mas…(Blah!) Pessoas tentam aparecer pelas sombras, controlando a luz de seus candelabros. Tente ver isso, largue seu ego de lado e vá pensar em seus atos cotidianos.

O rico ajuda o pobre pra mostrar que é rico, o pobre aceita o dinheiro pra não ser arrogante.

É tarde, estou com sono, completa o texto aí, é fácil, é só viver.

Mas fica a dica: Uma vez eu coloquei um espelho em frente ao planeta e de cara não apareceu nada. Outro dia apareceu Deus.